Prefeitura de BH abre consulta pública de faixa prioritária para ônibus na Avenida Augusto de Lima

100
faixa
Publicidade

A Prefeitura de Belo Horizonte iniciou na quarta-feira (08/11) uma consulta pública para contribuições sobre o projeto de implantação de faixas exclusivas de ônibus na Avenida Augusto de Lima, entre a Avenida do Contorno e Rua Rio Grande do Sul.

Os documentos da consulta pública estão disponíveis no Portal da Prefeitura. O processo será digital e ficará disponível para o envio de contribuições e sugestões no prazo de 30 dias, contados a partir da data da publicação no Diário Oficial do Município.

Prioridade para o transporte coletivo na Avenida Augusto de Lima

As intervenções na Avenida Augusto de Lima contemplam a implantação de uma faixa exclusiva nos dois sentidos da via, entre a Avenida do Contorno e a Rua Rio Grande do Sul, entre 6h e 9h (horário de pico da manhã), de segunda a sexta-feira. Estão previstas também a melhoria de vários cruzamentos e a revitalização dos pontos de ônibus da avenida.

É importante ressaltar que as áreas de estacionamento rotativo e aquelas destinadas para carga e descarga serão preservadas. No sentido bairro/Centro, a utilização do estacionamento será permitida após as 9h. No sentido Centro/bairro, não haverá mudanças e a utilização das vagas permanece inalterada, inclusive no horário de funcionamento da faixa exclusiva.

As intervenções da Avenida Augusto de Lima tem extensão de 2,5 km, considerando os dois sentidos, e faz parte do Programa de Requalificação do Centro de Belo Horizonte, o “Centro de Todo Mundo”, lançado pela Prefeitura de Belo Horizonte para aumentar e qualificar as oportunidades de moradia, trabalho e lazer na região. 

Mais vias prioritárias para o transporte coletivo

As faixas exclusivas e preferenciais melhoram o desempenho das linhas de ônibus, garantindo que o usuário do transporte coletivo chegue ao destino de forma segura e rápida. Belo Horizonte conta com 72,3 km de rotas prioritárias para o transporte coletivo (faixas e pistas exclusivas e faixas preferenciais). Outros 18 km de rotas prioritárias para os ônibus já começaram a ser implantados na Área Central, na Avenida Augusto de Lima e, em breve, na Avenida Afonso Pena e nas ruas Curitiba e São Paulo. Confira as vias com prioridade para o transporte coletivo na capital.

As vias prioritárias para os ônibus e a sanção da Lei 11.458/23, do novo modelo de remuneração complementar do transporte coletivo suplementar e convencional, são ações que mostram o empenho da Prefeitura de Belo Horizonte e da Superintendência de Mobilidade do Município (Sumob) na melhoria contínua do transporte coletivo da capital. 

Mobilidade BH

Siga o Mobilidade BH no Twitter e fique informado sobre a mobilidade urbana de Belo Horizonte e Região Metropolitana.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui