Prefeitura de BH intensifica fiscalização de ônibus com Operação Tolerância Zero

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) intensificou suas ações de fiscalização no transporte público através da Operação Tolerância Zero. Em uma nova investida, realizada nesta quarta-feira (12/06), a PBH fiscalizou os pontos finais de nove linhas de ônibus que são frequentemente alvo de reclamações dos passageiros. Essas linhas atendem áreas como as estações São Gabriel e José Cândido da Silveira, além dos bairros Nova Vista, Nova Cintra, Conjunto Santa Maria, Caetano Furquim e Goiânia.

Durante a operação, 33 veículos foram abordados, resultando em 144 autuações e na recolha da Autorização de Tráfego (AT) de 28 ônibus devido a problemas como elevadores com defeito e freios de porta inoperantes. A seleção das linhas fiscalizadas foi baseada em um trabalho de observação contínua e nas reclamações registradas pelos passageiros, demonstrando a importância da participação popular na identificação de problemas no sistema de transporte coletivo.

As linhas fiscalizadas na ação foram:

  • 815 Estação São Gabriel/Conjunto Paulo VI
  • 822 Estação José Cândido/Vila Maria
  • 9105 Nova Vista – Sion
  • 9208 Taquaril/Conjunto Santa Maria
  • 9211 Caetano Furquim/Havaí
  • 9214 Caetano Furquim/Havaí – Via Alto Havaí
  • 9250 Caetano Furquim/Nova Cintra – Via Savassi
  • 5503A Goiânia A/Centro/Hospitais
  • 5503B Goiânia B/Centro/Hospitais

Operação Tolerância Zero

A Operação Tolerância Zero está em vigor há quatro meses e, nesse período, realizou 1.793 ações de fiscalização, inspecionando 11.822 ônibus (alguns mais de uma vez). Essas operações resultaram em 11.927 autuações, a recolha de 383 ATs e o encaminhamento de 13 veículos ao pátio do Detran-MG.

As fiscalizações são conduzidas por agentes da Sumob, BHTrans e Guarda Municipal, ocorrendo em diferentes pontos estratégicos, incluindo portas de garagens, estações, ao longo dos itinerários das linhas, e no Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH) através do sistema SITBus, que monitora via GPS cada viagem dos ônibus.

Os esforços da Operação Tolerância Zero estão trazendo melhorias na qualidade do transporte público da capital. Observa-se uma mudança de postura por parte das empresas de ônibus, com uma redução no número de autuações, mesmo com a manutenção de uma média de fiscalização de quase 100 ônibus por dia, evidenciando o sucesso da política implementada.

Deixe um comentário